Início do Evento: 09/09/2017 - 10/09/2017

Hora: 07:30 - 12:30

Aos estimados Presbíteros, Religiosos (as) e Coordenadores de Pastorais!

 

Impulsionados pela Campanha da Fraternidade de 2014 com o tema: FRATERNIDADE E TRÁFICO HUMANO e o lema “é para a Liberdade que Cristo nos libertou” (Gl 5,1) e movidas pelo desejo de trabalhar com mulheres que se encontram em vulnerabilidade social, mediante o resgate de sua história, do exercício da cidadania da inclusão social e da promoção e valorização da dignidade humana “para que todos tenham vida em plenitude” (Jo 10,10), as irmãs ursulinas iniciaram, em Jaci Paraná o Projeto Vida Feliz: Valorizando e Resgatando a Dignidade das Mulheres. Nascia aí a Pastoral da Mulher Marginalizada (PMM) na Arquidiocese de Porto Velho.

 

A Pastoral da Mulher Marginalizada (PMM) é uma pastoral social atuando no âmbito nacional, ligada ao Setor de Pastoral Social da CNBB – Conferência Nacional dos Bispos do Brasil. Orienta-se pelas diretrizes da CNBB e se relaciona à Comissão Episcopal para o Serviço da Caridade, Justiça e Paz e tem por missão ser presença solidária, profética e evangélica junto à mulher, adolescente, jovem ou adulta em situação ou em risco de prostituição, buscando novas relações de gênero e incentivando o seu protagonismo.

 

O foco da PMM do início até os dias de hoje foi o distrito de Jaci Paraná. O desejo agora é capacitar pessoas para trabalhar nas Paróquias das duas regiões Pastorais da Arquidiocese de Porto Velho. A Formação acontece nos próximos dias 09 e 10 de Setembro de 2017 no Centro de Pastoral (Av. Carlos Gomes, 964), com assessoria da Coordenação Nacional da Pastoral da Mulher Marginalizada.

 

Inscrições até 31 de agosto de 2017 no E-mail: coordenacaopastoralpvh@hotmail.com. Colaboração: R$ 20,00 (por pessoa). Ficha de inscrição:  https://goo.gl/wg7AkR

 

Fraternalmente em Cristo,

 

Dom Roque Paloschi

Arcebispo de Porto Velho

 

Pe. João Marcos da Silva

Coordenador de Pastoral